Bauru será única cidade do Estado a receber oficinas de cinema para professores e alunos da rede pública

25/01/2014 - Sem dúvida, não é exagero afirmar que se trata de um privilégio. Bauru será a única cidade do Estado de São Paulo, e uma das 27 do País, a receber o projeto “Inventar com a Diferença – Cinema e Direitos Humanos”, que tem o objetivo de desenvolver oficinas de cinema voltadas a docentes e alunos da rede pública de ensino. A iniciativa é da Universidade Federal Fluminense, que tem o primeiro curso de licenciatura em cinema do País, e da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República. A ação visa aproximar crianças e adolescentes do universo temático que cerca o cinema e os direitos humanos. Durante o primeiro semestre de 2014, o projeto atinge até dez escolas de cada um dos municípios selecionados. Além de Bauru, também foram contemplados Manaus (AM), Porto Velho (RO), Boa Vista (RR), Macapá (AP), Imperatriz (MA), Fortaleza (CE), Natal (RN), Parnaíba (PI), Belém (PA), Recife (PE), Conde (PB), Belo Horizonte (MG), Florianópolis (SC), Curitiba (PR), entre outros, um de cada Estado. As inscrições de interessados estão abertas através do site www.inventarcomadiferenca.org até 7 de fevereiro. O projeto será realizado em duas diferentes etapas: na primeira, os professores inscritos e selecionados participarão de um curso de formação em audiovisual e direitos humanos com duração de 20h, realizado no mês de fevereiro; na segunda (etapa em que os alunos poderão participar), os educadores realizam oficinas semanais, com duração de duas horas, em suas escolas, entre março e maio de 2014, sob a supervisão quinzenal do mediador. Metodologia O Inventar com a Diferença é baseado numa metodologia descentralizadora, onde todos os professores e alunos atuam coletivamente na realização e desenvolvimento das atividades. Com essa proposta, fomenta um trabalho colaborativo, sem competição, atento ao outro, aberto às diferenças e às diferentes formas de sociabilidade, convivência e invenção. Fundindo os processos criativos do cinema com a educação, o projeto afirma o direito à diferença e dá a ver um desejo comum, que aponta para a possibilidade de criarmos coletivamente um mundo mais justo, diverso e democrático. Serviço Inscrições podem ser feitas pelo site www.inventarcomadiferenca.org até dia 7/2. Informações: (21) 2629-9763
Fonte: Jornal da Cidade - Bauru - Bauru/SP.


Comentários da notícia